Voltar
Transtorno do pânico

Transtorno do pânico

A síndrome ou transtorno do pânico (ansiedade paroxística episódica),segundo o DSM V (Manual de diagnóstico e classificação dos Transtornos Mentais), é um que se caracteriza pela ocorrência repentina, inesperada e de certa forma inexplicável de crises de ansiedade aguda marcadas por muito medo e desespero, associadas a sintomas físicos e emocionais aterrorizantes. A duração do ataque de pânico e de até 10 minutos, mas isso não quer dizer que a pessoa se livrou do transtorno não há surto. Durante o ataque de pânico, a pessoa experimenta a nítida sensação de que vai morrer ou de que perdeu o controle sobre si mesma e vai enlouquecer.

O ataque de pânico começa de repente e apresenta pelo menos quatro dos seguintes sintomas:


- Medo de morrer;


- Medo de perder o controle e enlouquecer;


- Despersonalização (impressão de desligamento do mundo exterior, como se a pessoa estivesse vivendo um sonho) e desrealização (distorção na visão de mundo e de si mesmo que impede diferenciar a realidade da fantasia);


- Dor e/ou desconforto no peito que podem ser confundidos com os sinais do infarto;


- Palpitações e taquicardia;


- Sensação de falta de ar;


- Sensação de sufocamento ou de ter algo enroscado na garganta;


- Sudorese;


- Náusea;


- Desconforto abdominal;


- Tontura ou vertigem;


- Ondas de calor e/ou calafrios;


- Adormecimento e formigamentos;


- Tremores, abalos e estremecimentos.

Possivelmente, há indícios de depressão além do pânico.

Agende uma consulta

Venha nos conhecer

Você é a maior prioridade.